Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede.unisantos.br/handle/tede/532
metadata.dc.type: Dissertação
Title: As micro e pequenas empresas como instrumentos de inclusão social : um estudo exploratório sobre a região metropolitana de Santos
metadata.dc.creator: Haddad, Carlos Tebecherane
metadata.dc.contributor.advisor1: Freddo, Antonio Carlos de Moura
metadata.dc.description.resumo: A exclusão social é problema que aflige grande parte dos países do mundo, inclusive o Brasil, onde as diferenças sociais são grandes e visíveis, a par de um crescimento populacional até há pouco tempo acima dos índices médios do Ocidente. Assim, não é difícil perceber o porquê da exclusão social no Brasil, já que aqueles menos afortunados também são os mesmos apetrechados, em termos educacionais e culturais, ficando, por conseqüência, à margem do processo de desenvolvimento do país, excluídos da massa de indivíduos que têm acesso aos melhores empregos, às melhores escolas e universidades, a bens de consumo etc. Com a chegada de migrantes, o fenômeno da exclusão social agravou-se sobremaneira, resultando, como corolário do processo de exclusão, a escassez de oportunudades nos grandes centros, transformando a saga do migrante de tragédia em humanitária. As nações estão perdendo para as corporações, cuja transnacionalidade é um dos fatores de incremento da exclusão, ocorrendo o surgimento da exclusão profissional, uma outra forma, ou subproduto, da eclusão social. \este trabalho parte da hipótese de que um dos possíveis instrumentos para se combater a exclusão social, promovendo a inclusão do indivíduo nas faixas, estratos e camadas mais elevadas da sociedade, pode ser a micro e a pequena empresa, cuja categoria de classificação é a mais numerosa em empresas formais cadastradas, assim como uma das maiores empregadoras e pagadoras de impostos do País. Pretende-se analisar s micro e pequenas empresas como instrumentos de inclusão social pelo trabalho, em amostra do universo da Região Metropolitana de Santos, estudando, verificando e identificando como essas companhias vêm se desenvolvendo a partir das suas estratégias empresariais e de competitividade, assim como alocação dos recursos, capacidades, competências e conhecimentos desse segmentos da economia. Assim, é possível se entender o porquê ("know why") e como ("know how") tratar as micro e as pequenas empresas brasileiras como instrumentos de inclusão social pelo trabalho, enquanto organizações perenes e que mantenham seu crescimento no âmbito da economia globalizada.
Keywords: inclusão social
empreendedorismo
micro e pequenas empresas
estratégia
competitividade
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ADMINISTRACAO
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Católica de Santos
metadata.dc.publisher.initials: Católica de Santos
metadata.dc.publisher.department: Organização e gestão
metadata.dc.publisher.program: Mestrado em Gestão de Negócios
Citation: HADDAD, Carlos Tebecherane. As micro e pequenas empresas como instrumentos de inclusão social : um estudo exploratório sobre a região metropolitana de Santos. 2006. 238 f. Dissertação (Mestrado em Organização e gestão) - Universidade Católica de Santos, Santos, 2006.
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: https://tede.unisantos.br/handle/tede/532
Issue Date: 20-Mar-2006
Appears in Collections:Mestrado em Gestão de Negócios

Files in This Item:
File SizeFormat 
Carlos T Haddad.pdf1,28 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.